segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Governo do Rio é condenado a pagar R$ 900 mil à família de menino João Roberto


A juíza Maria Paula Gouvêa Galhardo, da 4ª Vara da Fazenda Pública da Capital do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, condenou o governo estadual a pagar R$ 900 mil de indenização por danos morais à família do menino João Roberto Amorim Soares, morto no dia 7 de julho de 2008, durante uma ação de policiais militares na Tijuca, na zona norte.
O menino de 3 anos de idade foi atingido por um tiro na cabeça no carro em que estava com a sua mãe e o irmão de 9 meses. O automóvel foi confundido com um veículo usado por bandidos.
A ação tem como autores o pai do menino, Paulo Roberto Barbosa Soares; a mãe, Alessandra Amorim Soares; o irmão, Vinícius Amorim Soares e as avós Cyrene da Silva Amorim e Lurimar Barbosa de Souza.
“Inegável, na hipótese, que o filho, neto e irmão dos autores faleceu em razão da ação direta dos agentes públicos, policiais militares”, afirmou a juíza na sentença. Para ela, ficou comprovado que a ação dos policiais causou a morte de João Roberto.
A juíza lembrou ainda que as próprias autoridades do Estado, o governador e o secretário de Segurança Pública do Rio, admitiram a culpa dos PMs, chegando a pedir desculpas publicamente. “Evidente o dano moral suportado pelos autores diante da perda brusca e violenta do filho, irmão e neto”, destacou.
De acordo com a sentença, que julgou procedente em parte o pedido dos autores, aos pais de João Roberto caberá indenização por danos morais no valor de R$ 400 mil para cada, R$ 25 mil para o irmão, R$ 50 mil para a avó paterna e R$ 25 mil para a avó materna. A família também será ressarcida das despesas com o funeral e os pais do menino receberão pensão do Estado.
A assessoria de imprensa do governo informou que o Estado não irá recorrer da decisão judicial.

Julgamento de PM acusado do crime será em setembro

Os acusados da morte de João Roberto são os policiais militares Elias Gonçalves da Costa Neto e Wiliam de Paula. Eles respondem à ação penal no 2º Tribunal do Júri da Capital. Em 11 de dezembro de 2008, Willian de Paula, o primeiro a ser julgado, foi condenado apenas a sete meses de detenção, em regime inicial aberto, pelo crime de lesão corporal leve praticado contra Alessandra Amorim Soares, mãe de João Roberto, vítima dos estilhaços do vidro do carro, e de seu outro filho Vinícius, na época com 9 meses de idade, que sofreu lesão no ouvido em decorrência do tiroteio.
Os jurados entenderam que o réu, que é primário e tem bons antecedentes, estava estritamente no cumprimento do seu dever legal. Ainda foi concedido ao PM a suspensão da pena pelo prazo de dois anos e durante um ano ele prestaria serviços à comunidade, sete horas por semana. O Ministério Público recorreu e, em 28 de julho de 2009, a 7ª Câmara Criminal do TJ do Rio, por maioria dos votos, anulou a sentença e determinou que o acusado fosse levado a novo julgamento pelo Tribunal do Júri.
O denunciado Elias Gonçalves recorreu da sentença de pronúncia. Com isso, o seu processo foi desmembrado e ele será julgado pelo 2º Tribunal do Júri no dia 22 de setembro.

Empresário invade motel e flagra mulher com amante no interior do Rio


Um empresário invadiu o quarto de um motel e flagrou a mulher com um amante na tarde da última quinta-feira (11) na divisa entre os municípios de Barra Mansa e Volta Redonda, no Sul Fluminense.
Proprietário de uma joalheria, Laci Mendonça avisou a um amigo, que é policial mililtar, que praticaria o ato após investigar a mulher por cerca de um ano com a ajuda de um detetive particular. Ele também chamou a imprensa local. Temendo o pior, o PM avisou o Serviço 190 da corporação e duas viaturas foram para o local.
Quando os PMs chegaram, o empresário, que estava na companhia de um advogado, um detetive particular, dois filhos do primeiro casamento e dois amigos, já tinha invadido o quarto . Os filhos de Laci filmaram a confusão.
De acordo com a corporação, Laci teria agredido a mulher, identificada como Clarice Copelli e o amante, Arlen de Freitas. O casal foi flagrado sem roupa e reagiu.
Os policiais militares que foram para a ocorrência levaram os três para a delegacia de Barra Mansa (90ª DP). O trio foi encaminhado para fazer exame de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal). O empresário foi indiciado por lesão corporal e violência doméstica.

Médicos do SUS prometem manifestações em todo o País nesta terça


Nesta terça-feira (25), os médicos que atendem na rede pública em todo o País prometem realizar manifestações e paralisações para denunciar a baixa remuneração e as más condições de trabalho, que comprometem a qualidade da assistência oferecida à população. Consultas, exames e outros procedimentos agendados serão suspensos em 21 Estados.  Os trabalhos nas unidades de urgência e emergência serão mantidos.
O movimento é coordenado pela Comissão Pró-SUS, composta por representantes do Conselho Federal de Medicina (CFM), da Associação Médica Brasileira (AMB) e da Federação Nacional dos Médicos (Fenam). “Com a mobilização queremos chamar a atenção das autoridades para a necessidade de mais recursos para a saúde, melhor remuneração para os profissionais e melhor assistência à população”, afirma o coordenador da Comissão Pró-SUS do CFM e 2º vice-presidente da entidade, Aloísio Tibiriçá Miranda.
Até o momento, já estão confirmadas a suspensão do atendimento por 24h em 20 Estados, sendo que no Piauí deve se prolongar por dois dias. Em outros dois Estados, este tipo de paralisação será pontual: em Santa Catarina, deve acontecer durante a tarde e durar cerca de uma hora; em São Paulo, deverá acontecer apenas em algumas unidades de saúde, mas ao longo de todo o período. Em outros seis estados, foram programadas manifestações públicas em protesto contra a precariedade da rede pública. Alias, atos do tipo deverão acontecer simultaneamente em todo o país.

Confira abaixo o que alguns Estados prepararam para terça-feira:

Acre - As entidades médicas confirmam a adesão dos profissionais do Acre ao protesto, sendo que eles decidiram suspender os atendimentos eletivos na data. Estão previstos atos públicos como forma de informar à sociedade sobre os problemas que comprometem o SUS.

Alagoas - No Estado, os 1.638 médicos que atendem pelo SUS suspenderão suas atividades. Consultas e exames não realizados serão reagendados, sendo que nos estabelecimentos de saúde foram fixados avisos para a população. 

Amapá – Médicos prometem suspender atendimentos, assegurando o funcionamento das urgências e emergências. Entidades locais realizarão assembléia para discutir o tema.

Amazonas – Médicos amazonenses decidiram fazer uma carreata. Uma coletiva de imprensa acontecerá, às 9h, no Conselho Regional de Medicina do Amazonas (Cremam).

Bahia – Entidades médicas confirmam a paralisação. Em Salvador, estão previstas concentrações de médicos, às 8h, em frente ao Creasi (antigo Iapseb) e, às 10h, em frente ao Shopping Iguatemi.

Ceará – Haverá às 15h uma sessão Assembleia Legislativa em comemoração pelos 70 anos do sindicato dos médicos cearenses. Na ocasião, seis profissionais serão homenageados.

Distrito Federal – O Sindicato dos Médicos lançará um hotsite com os relatórios das visitas do sindicato às unidades de saúde do DF. Nos documentos, são denunciadas as condições de trabalho inadequadas e o sucateamento do sistema de saúde pública no DF.

Espírito Santo – Paralisação confirmada por todo dia do atendimento ambulatorial. Nas concentrações, o preto será a cor predominante em faixas e nas roupas dos participantes em sinal de luto pela situação da saúde pública no Estado.

Goiás - Suspensão do atendimento nas unidades públicas por todo dia. Representantes das entidades médicas locais deverão visitar alguns estabelecimentos de saúde – na capital e no interior.

Maranhão – Haverá um Fórum de Saúde Pública, com a presença de médicos, secretários de saúde e outros gestores da rede pública, além de políticos e autoridades.

Mato Grosso – Suspensão de atendimentos eletivos em todas as unidades do SUS, no Estado.

Mato Grosso do Sul – Entidades médicas locais organizarão manifestações em frente a alguns pontos de atendimento em Campo Grande. Não haverá suspensão das atividades no Estado.

Minas Gerais – Não haverá atendimento de consultas e outros procedimentos eletivos. Na Praça da Assembleia está previsto um ato público, às 9h30. A tarde, às 15h, também no parlamento ocorrerá uma audiência pública.

Pará – Médicos confirmam a suspensão das consultas e procedimentos. Apenas as cirurgias que já estavam marcadas serão realizadas. As áreas de urgência e emergência também funcionarão.

Paraíba – Está previsto um ato público em frente ao Busto de Tamandaré, ás 10h, com a participação de médicos, lideranças e representantes da sociedade. O atendimento eletivo aos pacientes do SUS também será suspenso.

Paraná – Movimento médico organizou um ato público para marcar o protesto. De 9h às 18h, na Boca Maldita (ponto tradicional do centro de Curitiba), médicos distribuirão folhetos informativos para chamar a atenção da sociedade.

Pernambuco – Haverá paralisação dos atendimentos eletivos, mas as entidades médicas do estado também programam uma forma diferente de protestar. Será realizada a campanha "Médicos dão sangue pelo SUS", onde os médicos serão convidados a doarem sangue. Um posto do Hemope estará montado no local de 8h00 às 17h00.

Piauí – No estado, a suspensão dos atendimentos eletivos nas unidades da rede pública será por 72 horas. O protesto será encerrado apenas no dia 27. Apenas os atendimentos de urgência e emergência estão garantidos.

Rio de Janeiro – Haverá protesto para reivindicar por melhores salários e condições de trabalho.

Rio Grande do Norte – Suspensão dos atendimentos eletivos por todo dia, salvo em casos de urgência e emergência. O dia será marcado por uma manifestação pública na Praça 7 de Setembro, em frente à Assembleia Legislativa.

Rio Grande do Sul – Em Porto Alegre, os médicos decidiram fazer uma paralisação para marcar o Dia Nacional em Defesa do SUS. Está programado ato público na Câmara de Vereadores, a partir das 16h, com a participação de representantes dos hospitais conveniados.

Rondônia –  Suspensão dos atendimentos eletivos por todo dia. Como parte da mobilização são esperadas manifestações próximas às principais unidades da rede estadual.

Roraima –  Não haverá suspensão das atividades.

Santa Catarina - Médicos catarinenses optaram por suspender suas atividades durante uma hora. No início da tarde, entre 13h e 14h, os profissionais não realizarão atendimento eletivos e se concentrarão em frente ao Hospital Celso Ramos.

São Paulo –  Além do protesto da categoria, já foram confirmadas paralisações localizadas. Os médicos dos Hospitais Emílio Ribas, do Servidor Estadual e do HC de Ribeirão Preto não farão atendimento eletivos.

Sergipe – Os atendimentos eletivos serão suspensos. Está programado um ato público, às 8h, no calçadão da Rua João Pessoa, em frente ao prédio da Caixa Econômica Federal (Agência Serigy), no Centro de Aracaju.

Tocantins – Não está prevista a suspensão dos atendimentos eletivos.  

Brasileiros estão mais felizes na terceira idade


Foi-se o tempo em que envelhecer era sinônimo de melancolia e solidão. Quem ainda acredita que a terceira idade está restrita a cadeiras de balanço, agulhas de tricô e partidas de gamão não conhece a vida do idoso contemporâneo. Uma pesquisa divulgada este mês pelo Programa de Novas Dinâmicas do Envelhecimento aponta que os brasileiros estão mais felizes quando chegam na terceira idade. Segundo o estudo, realizado por pesquisadores ingleses entre os anos de 2002 e 2008, a maioria dos idosos brasileiros se considera “satisfeita” ou “muito satisfeita” com suas condições de vida, com o respeito que recebem dos familiares e com o relacionamento mantido com outras pessoas

Conheça os erros mais comuns na hora de instalar a cadeirinha do bebê no carro


Usar a cadeirinha adequada para a idade e o peso da criança é fundamental para garantir a segurança. Instalá-la da maneira correta também.— Em um possível acidente de trânsito, o dispositivo de retenção correto e bem fixado ajuda a evitar que o bebê seja projetado para frente — frisa Daniela Nunes, da Fundação Thiago de Moraes Gonzaga.
Cuidados ajudam a evitar erros. Antes da compra da cadeirinha, é importante ir com o carro até a loja e verificar se o modelo escolhido se encaixa no veículo. Ler o manual de instruções é outra medida, como explica Ingrid Stammer, mobilizadora da ONG Criança Segura, que trabalha na prevenção de acidentes entre crianças e adolescentes.
Um dos erros mais comuns durante a instalação, segundo Ingrid, é prender a cadeira ao carro, mas esquecer de fixar a criança à cadeirinha. Outra falha rotineira é passar de forma errada as tiras que prendem a cadeirinha ao banco do carro. Instalado, o equipamento não pode se mover mais de dois centímetros para cada lado.
Dentre as preocupações da Criança Segura está o uso de dispositivos inadequados, frente ao preço das cadeirinhas, que em alguns casos custam até R$ 600. Com a obrigatoriedade do uso prevista em lei, cadeirinhas antigas deixaram os armários. Também se criou um mercado de equipamentos usados.
— É um risco comprar um dispositivo usado, sem saber a procedência, a condição de uso. É preciso pensar no custo benefício da cadeirinha, que ela serve para a segurança do seu filho — diz Ingrid.

Números

:: 2 mil crianças perdem a vida em acidentes de trânsito a cada ano
:: 10 mil crianças são hospitalizadas com traumas de trânsito anualmente
:: A maioria dos acidentes ocorre em trajetos curtos e com velocidades baixas
:: 60% dos acidentes graves ocorrem em menos de 30 minutos de passeio
:: Com o uso da cadeirinha, a chance de sobrevivência da criança é de 71%
:: A cadeirinha reduz em 69% a necessidade de hospitalização de crianças de até quatro anos.

Professora transexual mineira é a primeira a ter nome social registrado no Estado


A partir do próximo mês, a folha de pagamento e o registro de presença da transexual professora da rede estadual de Uberlândia (556 quilômetros de Belo Horizonte), Sayonara Nogueira, 37 anos, virão com o nome social e não mais com o de registro, Marcos Nogueira. A nomeação foi feita pelo governador Antônio Anastasia no sábado (22), por meio da criação de ações contra o preconceito a homossexuais.
Os órgãos do Estado, a partir de agora, devem chamar travestis e transexuais pelo nome social. Na prática, o nome social será adotado em documentos de identificação funcional, comunicações internas do governo do Estado e durante os atendimentos em hospitais, delegacias, escolas e qualquer outro órgão público.
Nogueira é professora de geografia em duas escolas estaduais da cidade mineira e foi a primeira transexual do Estado a ser nomeada. “Para nós essa é uma grande conquista, pois serei chamada pelo meu nome social. Isso faz com que me sinta ainda mais respeitada”, disse. Para ela, a medida mostra que os transexuais podem ocupar diversos espaços na sociedade. “Muita gente acha que travestis e transexuais estão relacionados à prostituição e nós estamos mostrando que não é bem assim”, disse.
Ela conta que trabalha com alunos que tem entre 11 e 16 anos e nunca sofreu preconceito por parte deles e dos pais, porém com colegas de trabalho sim. No ano passado, ela precisou acionar a Coordenação Especial de Políticas de Diversidade Sexual do Estado para que uma inspetora pudesse chamá-la por Sayonara. “Ela me chamava de Marcos na frente dos meus alunos e todos me conhecem por Sayonara. Me deixava constrangida. Fizemos um acordo e ela passou a me respeitar”, disse.
Além de Nogueira, Walquíria La Roche, que trabalha na secretaria de Desenvolvimento Social e é coordenadora Especial de Políticas de Diversidade Sexual também foi nomeada. A resolução é conjunta e envolve as secretarias estaduais de Planejamento, Orçamento e Gestão, além da de Desenvolvimento Social. Ela não prevê punições para quem violar o novo regulamento.

Telefônica vai adotar marca Vivo até primeiro semestre de 2012


Concluídas todas as etapas de fusão da Telefônica e da Vivo no começo deste mês, a companhia trabalha para integrar as duas marcas no Brasil até o fim do primeiro semestre de 2012, segundo Antonio Carlos Valente, diretor-presidente da Telefônica/Vivo.
A marca adotada será a da Vivo e o nome Telefônica deixará de ser usado. A mudança vai atingir principalmente o Estado de São Paulo, onde a Telefônica é concessionária dos serviços de telefonia fixa. No Estado, as lojas e toda a publicidade serão alteradas para a marca Vivo.
Segundo o executivo, serão feitas campanhas exclusivamente para informar a mudança. Valente disse ainda que a etapa mais importante desse processo é a "integração dos sistemas de atendimento" e de outras plataformas.
Em julho de 2010, a espanhola Telefônica comprou os 30% da Vivo que pertenciam à PT (Portugal Telecom) por cerca de R$ 17,2 bilhões, ficando com 60% da Vivo. A empresa comprou o restante das ações no mercado por meio de oferta pública de ações e a Telefônica (antiga Telesp, companhia com capital aberto na Bovespa) incorporou a Vivo.
A espanhola Telefónica tem no Brasil seu maior mercado, com 83 milhões de clientes. A companhia detém 29,5% do segmento de telefonia móvel no país.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Como fugir da rotina e transformar suas noites de sexo


O sexo era espontâneo, animado, quente. Aí, o tempo passou e as coisas mudaram. Se você sente falta daquele fogo entre vocês saiba como reanimar suas noites de sexo e reinventar o seu prazer.

Criativa

Quer trazer mais agitação para os lençóis? Explore o corpo dele da cabeça aos pés - mas pule as partes calientes. Lentamente, tire as roupas dele e toque-o suavemente por cinco minutos: nas costas, na parte interna da coxa, no tórax... Para deixar o exercício ainda melhor, prenda as mãos dele na cama e, se preferir, vende os olhos do amado.
Depois de cinco minutos, peça a ele que faça o mesmo com você. "Pequenas provocações estimulam o casal a querer se tocar, se pegar, se beijar. O exercício de se redescobrir resgata o tesão que existia no começo do relacionamento e apimenta o prazer na cama", explica a psicóloga Arlete Gavranic, do Instituto Brasileiro Interdisciplinar de Sexologia e Medicina Psicossomática (Isexp), em São Paulo.

Longa

Para fazer uma noite de amor durar mais do que uma largada de Fórmula 1 é preciso criar expectativa. Se vocês só se encontram nos finais de semana, comece a dividir com ele as suas vontades na quarta-feira. Além de fazer com que ele pense em você a semana toda, aumenta a saudade e as chances de a transa durar a noite toda.

Tenha também em mãos alguns acessórios indispensáveis, como um gel de massagem e um anel peniano, que ajudam a prolongar a ereção. O anel peniano é duplamente prazeroso: enquanto retarda a ejaculação do parceiro, estimula o seu clitóris durante a penetração. É prazer garantido até o amanhecer!

Picante

O tesão funciona de forma simples: tem um botão on e off. E um elogio, feito na hora certa, acende qualquer transa. E que tal tomar a iniciativa e propor coisas novas, ousadas? Valem fantasias, fetiches, dirty talk. Muitas vezes, não arriscamos fugir do convencional por receio da reação do outro. Quer experimentar sexo anal? Bondage? Ménage? Sugira! Você pode se surpreender com a resposta dele. E os dois saem ganhando.

Intensa

O primeiro passo para conseguir noites de sexo alucinantes é saber que nenhum casal transa todos os dias. "A não ser que vocês tenham uma disposição fora do comum, o mais normal é fazer sexo até três vezes por semana. Quando o sexo não é uma obrigação, as transas têm mais ânimo, qualidade, carinho e desejo", diz Arlete.
"Sexo alucinante precisa de espontaneidade. Que tal pular o almoço numa terça-feira qualquer para encontrar seu amor num motel? Ou acordá-lo dando beijinhos por todo o corpo? Quanto mais descontraído for o namoro, maior a possibilidade de ter uma vida sexual intensa", diz Arlete. Tire os sex toys do armário, a lingerie da gaveta e experimente posições diferentes. A noite será inesquecível...

Pesquisa revela que a maioria das mulheres toma as decisões da casa


Pesquisa do Instituto Data Popular realizada em todo o Brasil aponta que as mulheres são as principais responsáveis pelas decisões dentro de casa. São elas que decidem a compra de alimentos, móveis, eletrônicos, escolha do local onde a família vai passar as férias e até mesmo sobre a roupa que o marido vai usar.
Segundo a o estudo, 86% das mulheres são responsáveis pela escolha da alimentação da família. Na casa de João Luiz e Raquel, casados há 41 anos, quem faz as compras é ele, mas ela faz a lista que tem que ser seguida à risca. O casal tem um acordo: ela manda e ele paga a conta. “Não é que eu mando, eu decido de comum acordo, eu chego para ele e digo ‘vamos fazer isso’”, garante Raquel.
As decisões vão muito além da cozinha: 82% das mulheres escolhem os produtos de higiene e beleza que os maridos usam; 77% escolhem até as roupas dele; 69% são responsáveis pela escolha do carro ou da moto da família.
A pesquisa mostra ainda que mais da metade das mulheres (56%) escolhe os itens de tecnologia da casa e que 82% delas também são responsáveis pela administração do orçamento doméstico.

Bancos reabrem nesta terça-feira na maioria das cidades do país


Os bancários retornam nesta terça-feira (18) ao trabalho na maioria das cidades do país. Segundo o Comando Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), a maioria dos sindicatos de bancários aprovou na noite de segunda-feira (17) a proposta apresentada pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), bem como as específicas do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.
Segundo a Contraf, os bancários decidiram pelo fim da greve em cidades como São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Curitiba, Salvador, Campinas, Uberaba, Londrina, Criciúma, Blumenau, Teresópolis, Vitória da Conquista e Dourados, Campina Grande, entre outras.
Nas cidades de Florianópolis, Porto Alegre e Chapecó (SC), os funcionários da Caixa rejeitaram a proposta. Em Porto Alegre, uma nov aassembleia dos funcionários do Banco do Brasil começou nesta amanhã e ainda ocorria por volta das 10h55 desta terça. A expectativa, segundo o diretor de finanças do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre, Paulo Stekel, é de que os bancários também decidam pelo fim da greve.
Os funcionários do Banrisul, Banco da Amazônia e Banco do Nordeste do Brasil (BNB) continuam paralisados, cobrando avanços nas negociações específicas.
Segundo a Contraf, só nesta terça-feira será divulgado um balanço geral do fim da greve. Os resultados já anunciados pelo país podem ser acompanhados no site da Contraf-CUT.
A greve começou no dia 27 de setembro e chegou a paralisar 9.254 agências e vários centros administrativos de bancos públicos e privados em todos os 26 estados e no Distrito Federal.

Reajuste de 9%

O acordo entre a Fenaban e os representantes do Comando Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) ocorreu na noite de sexta-feira (14). A proposta prevê 9% de reajuste sobre salários, retroativos a 1º de setembro, e 12% de reajuste no piso da categoria, que passa de R$ 1.250 para R$ 1.400 para a função de escriturário.
Ficou acertado também melhorias na Participação nos Lucros e Resultados (PLR), com aumento da parcela fixa da regra básica para R$ 1.400 (reajuste de 27,2%) e do teto da parcela adicional para R$ 2.800 (reajuste de 16,7%).
"Foi possível arrancar conquistas importantes, como aumento real pelo oitavo ano consecutivo, valorização do piso, maior participação nos lucros e avanços nas condições de trabalho e segurança", avaliou, em comunicado Carlos Cordeiro, presidente da Contraf-CUT e coordenador do Comando Nacional dos Bancários. "Derrotamos a visão equivocada de que salário gera inflação", acrescentou.
Os dias de greve não serão descontados, mas serão compensados em até duas horas por dia, de segunda a sexta-feira, até o dia 15 de dezembro e, assim como nos anos anteriores, eventual saldo após esse período será anistiado.

Histórico

Os bancários entraram em greve no dia 27 de setembro, por tempo indeterminado, após a quinta rodada de negociações com a Fenaban, ocorrida no dia 23. A proposta patronal contemplava reajuste de 8% sobre os salários, o que representava aumento real de 0,56%, segundo a Contraf. A reivindicação inicial da categoria era de 12,8% de reajuste, sendo 5% de aumento real.
Na quinta-feira, 9.254 agências e centros administrativos de bancos públicos e privados ficaram fechados em todo o país, segundo balanço da Contraf. O número equivale a 46,1% dos 20.073 estabelecimentos do país.

Quindim


Ingredientes

  • 1 colher de manteiga

  • 16 ovos (gemas)

  • 1/2 kg de açúcar

  • 1 pacote de coco


  • Modo de Preparo

    Fazer uma calda com açúcar e água até engrossar, acrescentar manteiga e deixar esfriar

    Colocar as gemas e o coco e levar para assar em banho-maria

    Cocada de forno


    Ingredientes

  • 3 ovos

  • 2 colheres de manteiga

  • 1 xícara de leite

  • 1 lata de leite condensado

  • 1 coco grande ralado


  • Modo de Preparo

    Bata tudo no liquidificador, depois leve ao forno até dourar

    Docinhos de leite em pó


    Ingredientes

  • 2 xícaras de açúcar refinado

  • 2 xícaras de leite integral em pó

  • 50 ml de leite de coco

  • Açúcar refinado e cravos-da-índia para enfeitar


  • Modo de Preparo

    Misture bem o açúcar com o leite em pó

    Aos poucos, acrescente o leite de coco e amasse até a massa atingir o ponto de ser enrolada

    Forme bolinhas, passe-as no açúcar e enfeite com o cravo-da-índia

    "Aquele Beijo" pode perder protagonista


    Miguel Falabella volta ao ar com uma novela de sua autoria e mais um imprevisto ameaça a produção. Depois de perder Fábio Assunção em "Negócio da China" (2008), que deixou a novela para tratar de um problema de saúde, agora é a vez de Grazi Massafera. A atriz, que é uma das protagonistas de "Aquele Beijo", que estreou na segunda-feira (17), na Globo, está grávida.
    Não, Grazi não vai deixar a novela de Falabella agora, mas o autor já teve de rever os planos para a sua personagem, e talvez não possa contar com a atriz até o final das gravações.
    Na Globo, a brincadeira é que algum invejoso fez mandinga para as novelas de Falabella perderem seus protagonistas. Mas tudo não passa de uma coincidência.
    Para afastar o mau olhado, "Aquele Beijo" estreou com audiência em alta. Registrou 34 pontos, dois a mais que sua antecessora no horário. "Morde & Assopra" estreou com 32 pontos. Cada ponto equivale a 58 mil domicílios na Grande SP.

    Juristas querem mais punição para quem dirige bêbado


    Juristas paulistas querem aproveitar a revisão do Código Penal para tornar mais rigorosa a punição para quem dirige embriagado e mata no trânsito. Dois dos 16 convidados para integrar a comissão de reforma da legislação, que será instituída hoje no Senado Federal, a procuradora Luiza Nagib Eluf e o professor de Direito Penal Luiz Flávio Gomes defendem pena mais dura para motoristas bêbados até quando não há acidente.
    "No Código de Trânsito, dirigir embriagado já leva a punição. Mas, em caso de acidente que provoque lesão corporal ou morte, a pena tem de ser mais severa do que a prevista para crime culposo (sem intenção). É isso o que a sociedade espera de nós da Comissão de Reforma Penal. A população quer que o Código a proteja da irresponsabilidade, da bandidagem, da violência", diz Luiza.
    Uma das propostas, segundo Gomes, é que a embriaguez se torne qualificadora do crime de homicídio. "Por aqui está faltando o que na Europa é classificado como direção temerária de maneira abusiva, como para quem trafega na contramão em rodovias, por exemplo. Em vez de 2 a 4 anos de prisão, a pena subiria para 4 a 8 anos de reclusão".
    Punição semelhante foi defendida no sábado pelo presidente da Comissão de Trânsito da OAB - SP, Marcelo Januzzi, durante caminhada contra a impunidade no trânsito que reuniu cerca de 150 pessoas no Alto de Pinheiros. Mesmo sob chuva, manifestantes marcharam em silêncio em homenagem às vítimas e lançaram campanha para recolher assinaturas e mudar a atual legislação por meio de projeto de lei. A ideia é que legistas acompanhem blitze da lei seca para que se garanta a prova do crime: a discussão sobre a legalidade do bafômetro segue no Superior Tribunal de Justiça (STJ) e no Supremo Tribunal Federal (STF).
    Para o engenheiro Eduardo Daros, da Associação Brasileira de Pedestres, motorista bêbado em excesso de velocidade deve receber da Justiça o mesmo tratamento dado a "assassino". Já o senador Pedro Taques (PDT/MT), autor da proposta que criou a Comissão de Reforma Penal, acha que os assuntos terão de ser discutidos com calma. "Quando o Código Penal foi escrito, em 1940, a sociedade era sobretudo rural. Hoje, é o contrário. O número de mortes em razão de excesso de velocidade e embriaguez dos motoristas é assustador".
    "Acho essa discussão muito importante, porque cada dia mais vemos acidentes provocados por motoristas alcoolizados, dirigindo em velocidade acima da permitida, atropelando pessoas em cima da calçada ou provocando choques com mortos", resume Luiza.
    E a controvérsia vai além. Decisão recente do STF entendeu que motorista paulista que dirigia embriagado e matou uma pessoa não deveria responder por homicídio doloso (com intenção). A condenação do condutor foi desqualificada e o réu vai responder por homicídio culposo. A decisão contraria sentençados anos 1990 do mesmo tribunal.
    "O Ministério Público estava denunciando como homicídio doloso. Mas veio a decisão do STF dizendo que não é o caso. Precisamos agora de penas mais severas para evitar que continuem ocorrendo essas mortes", diz Luiza, lembrando que, se (acidentes com morte) são enquadrados como homicídio culposo, a pena é pequena e motorista não vai para a prisão - é punido, no máximo, com pena alternativa.

    Metade dos americanos apoia legalizar o uso da maconha


    Metade dos americanos é favorável à legalização da maconha, segundo uma pesquisa Gallup divulgada na segunda-feira. É o maior índice já registrado, o que pode aumentar a pressão pela alteração das leis sobre a droga nos Estados Unidos.
    A pesquisa mostra um apoio maior à legalização entre liberais e entre menores de 30 anos - mais de 60% em ambas as categorias. Entre os maiores de 65 anos, só 31% aprovam a legalização.
    "O apoio à legalização da maconha tem crescido ao longo dos últimos anos, chegando a 50% hoje, o máximo já registrado", disse o sumário da pesquisa.
    Para 46% dos entrevistados, a maconha deve continuar proibida. "Se esta tendência atual de legalizar a maconha continuar, a pressão pode crescer até que as leis da nação sejam colocadas em concordância com os desejos das pessoas", disse o sumário.
    O Gallup diz que o apoio à legalização passou de apenas 12% em 1969 para 30% em 2000 e 40% em 2009. No ano passado, outra pesquisa do instituto revelou que 70% dos americanos eram favoráveis a permitir que os médicos pudessem receitar a maconha como analgésico.
    Em 1996, a Califórnia se tornou o primeiro Estado americano a descriminalizar o uso médico da maconha. Vários outros Estados fizeram o mesmo desde então, mas as leis federais continuam classificando a erva como um narcótico ilegal.
    Outra pesquisa, divulgada no mês passado, mostrou que a maconha está se tornando cada vez mais a droga preferida dos jovens adultos nos Estados Unidos. Quase 7 por cento dos americanos com 12 anos de idade ou mais disseram tê-la usado em 2010.
    A pesquisa divulgada na segunda-feira pelo Gallup mostrou que os eleitores democratas são mais propensos que os republicanos a apoiarem a legalização (57-35%). Os homens também são mais favoráveis do que as mulheres (55-46%).
    No Oeste, Meio-Oeste e Leste dos EUA, mais de metade dos entrevistados apoiam a descriminalização. No Sul, o índice cai para 44 por cento.
    A pesquisa telefônica ouviu 1.005 adultos entre os dias 6 e 9 de outubro, e tem margem de erro de 4 pontos percentuais.

    Empresas respondem apenas 5% das questões no Facebook


    As empresas respondem em média a apenas 5% do total de questionamentos colocados em suas respectivas páginas no Facebook pelos consumidores. O setor com maior porcentagem de "feedback" dado aos clientes é o de telecomunicações, com pouco mais de 25% do total de perguntas respondidas, seguido pelo setor aéreo, com quase 20%, de acordo com levantamento do presidente da Socialbakers, Jan Rezab, que realiza pesquisas sobre corporações nas mídias sociais. Os números foram divulgados pela Econsultancy.
    Ainda de acordo com a publicação, as companhias dos setores de telecomunicações, aéreo e serviços deveriam ter um percentual de 65% a 75% de respostas para serem consideradas "sociais". Para evitar o desconforto, algumas companhias impedem a publicação nos seus murais - um exemplo citado é a da British Airways.

    PR: revendedores que armazenavam gás irregularmente são presos


    Uma operação de combate ao armazenamento irregular de botijões de gás prendeu duas pessoas em flagrante em Curitiba. A ação, requisitada pela Promotoria de Defesa do Consumidor, começou no domingo e terminou na segunda-feira com o cumprimento de mais de 30 mandados de busca e apreensão.
    De acordo com a promotora Cristina Ruaro, foram alvo da operação empresas revendedoras de gás liquefeito de petróleo (GLP). Em um dos locais onde houve cumprimento de mandado, a capacidade permitida era de armazenamento de 1.560 kg de GLT, mas além desse volume havia um estoque de 4,3 mil kg, que acabaram apreendidos.
    "O que nós verificamos é que em muitos estabelecimentos os botijões excedentes eram deixados no caminhão, que permanecia rodando com a carga até haver espaço para colocá-la na revenda, mas esse caminhão também era estacionados nos locais, o que não é permitido", explica Cristina.
    A promotora esclarece que além das revendedoras, as distribuidoras de gás também estão irregulares, pois as notas confirmam a compra e venda de carga além da permitida para determinado local. "Quem regula a capacidade é a ANP (Agência Nacional do Petróleo), se eles querem armazenar mais botijões isso tem de ser feito em locais maiores, é um risco até para os moradores próximos", afirma.
    Toda a quantidade de gás excedente foi encaminhada a uma distribuidora, que permanecerá como fiel depositária dos botijões até que as ações sejam julgadas. Cristina Ruaro explica que armazenar quantidade de gás além da permitida é crime previsto no Código de Defesa, com pena que pode variar de um a cinco anos de prisão. As duas pessoas presas em flagrante estavam em estabelecimentos abordados, os demais fiscalizados estavam fechados.
    A operação contou com o apoio de fiscais da ANP do Rio de Janeiro e da São Paulo, policiais da Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon) e da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (Aifu).
    No mês passado uma operação semelhante fiscalizou pequenos comécios que vendiam botijões, como mercados, e duas pessoas também foram presas em flagrante.

    Jovem de 19 anos é condenada à prisão perpétua por morte de menor nos EUA

     
    Uma jovem de 19 anos foi condenada na Flórida à prisão perpétua por seu envolvimento no assassinato em abril de Seath Tyler Jackson, de 15 anos, cujo corpo foi queimado e escondido em latas de tinta, informou nesta segunda-feira uma fonte judicial.
    Charlie Kay Ely foi sentenciada à prisão perpétua após ser considerada culpada em setembro pelo assassinato em primeiro grau de Seath, que foi espancado, assassinado a tiros e queimado em Summerfiel, no noroeste de Orlando.
    Outros quatro acusados permanecem presos à espera de julgamento.
    Aparentemente, Charlie e outra amiga atraíram Seath com mensagens de texto ao local onde ocorreu o assassinato, onde três jovens esperavam pelo menor, segundo a acusação.
    As autoridades informaram que Seath foi atingido na cabeça por estas jovens com vários objetos e que depois recebeu vários tiros.
    Depois, os suspeitos colocaram o corpo em uma banheira onde quebraram suas rótulas para colocá-lo em um saco de dormir, que foi jogado no fogo. Posteriormente, os restos do rapaz foram ocultados em latas de tinta.
    Os outros acusados são Michael Bargo, que agora tem 19 anos e é acusado de ser autor dos disparos; Justin Soto, de 20; Kyle Hooper, de 17 e que supostamente bateu várias vezes na cabeça do menor, e Amber Wright, de 15 anos.
    Aparentemente, Kyle disse à Polícia que queria matar Seath porque ele havia saído com uma ex-namorada sua e, além disso, havia "posto as mãos" em sua irmã, Amber Wright.

    sexta-feira, 14 de outubro de 2011

    Para Refletir!!


    A árvore quando está sendo cortada, observa com tristeza que o cabo do machado é de madeira.

    Doença misteriosa faz vietnamita envelhecer 50 anos em poucos dias


    Nguyen Thi Phuong tem apenas 26 anos, mas poderia ter facilmente mais de 70. De acordo com a vietnamita, o raro fenômeno que a fez envelhecer 50 anos em questão de dias, em 2008, aconteceu após uma reação alérgica a frutos do mar. Segundo ela, que mora em Giong Trom, na província de Ben Tre, os medicamentos usados para aliviar os sintomas da alergia provocaram inchaço no rosto e urticárias.
    A história ganhou destaque na imprensa local e a jovem começou a ser tratada por especialistas da cidade de Ho Chi Minh, que ainda não descobriram as causas para o envelhecimento precoce dela.
    Uma das hipóteses é a de que Phuong tenha uma rara doença, a lipodistrofia, que provoca uma anormal distribuição de gordura corporal e faz a pele enrugar, dando a impressão de envelhecimento. Somente duas mil pessoas têm essa doença no mundo.
    "Todo o meu corpo coçava. Eu precisava me coçar inclusive à noite, enquanto dormia", contou a jovem, de acordo com o jornal britânico Telegraph.uk. Ela e o marido, de 28 anos, decidiram contar a história na TV na esperança de ganharem algum dinheiro para pagar as consultas médicas. Phuong mostrou algumas fotos de seu casamento, em 2006 e lamentou a transformação na aparência. "Há cinco anos eu era bonita e não tão feia como hoje", disse.

    Em Salvador, ladrões entram em salão de beleza e roubam R$ 15 mil em cabelos para aplique


    Armados com revólveres, dois homens levaram cerca de R$ 15 mil de apliques e mega hair durante assalto ocorrido no início da tarde desta sexta-feira (14) em um salão de beleza localizado no centro de Salvador.
    Segundo informações de funcionários do estabelecimento, um homem chegou ao local por volta das 13h30 fingindo ser cliente e pediu para analisar os cabelos que estavam à venda.
    Depois de passar cerca de 15 minutos fazendo perguntas sobre preços e “observar” se os cabelos estavam bem tratados, o homem anunciou o assalto e, imediatamente, rendeu duas mulheres que estavam dentro do balcão do salão. Após colocar os cabelos dentro de mochilas, o assaltante ainda afirmou que o crime havia sido encomendado.
    A administração do centro comercial Orixás Center, onde funciona o salão, informou que os seguranças não perceberam a chegada dos assaltantes porque estavam fazendo ronda em outras galerias.
    Em seguida, o assaltante saiu do salão, passou por um segurança e foi em direção ao seu parceiro, que o esperava do lado de fora do estabelecimento. Juntos, os dois seguiram em direção à avenida Sete de Setembro, uma das mais movimentadas de Salvador.
    As imagens captadas pelas câmeras de segurança do centro comercial não mostraram o rosto do assaltante. De acordo com a polícia, ele aparece de costas, o que dificulta a identificação.
    Agentes da 1ª Delegacia de Polícia, que trabalham na investigação do crime, admitem a hipótese de o assalto ter “sido encomendado” por outros salões que trabalham com apliques e mega hair.

    Homem recebe duplo transplante de mãos nos EUA


    Um homem que recebeu um incomum transplante duplo de mãos em um hospital de Boston, nos Estados Unidos, destacou nesta sexta-feira sua alegria diante da perspectiva de poder tocar seu neto pela primeira vez. Richard Mangino, 65 anos, perdeu suas quatro extremidades devido a uma infecção em 2002. Depois de uma cirurgia de 12 horas com uma equipe de 40 pessoas no hospital Brigham and Women's, famoso por ser pioneiro nos transplantes de rosto, o paciente teve implantadas duas mãos doadas.
    Em suas primeiras declarações, Mangino agradeceu a família do doador. "Minha família e eu choramos a perda de seu familiar. Me sinto honrado e constrangido pela emoção. Obrigada por este presente tão incrível", disse em comunicado. No entanto, Mangino afirmou que sua maior emoção era a felicidade ante a perspectiva de retomar uma vida mais normal e, sobretudo, pela possibilidade de brincar com seus netos.
    "O único milagre pelo qual rezei, desde que meu neto mais velho nasceu, Trevor, foi poder ter o sentido do tato novamente. Tocar o rosto dele e de Nicky, fazer carinho no cabelo deles e ensiná-los a lançar a bola. Para mim, isso seria um milagre", afirmou em comunicado. "E hoje esse milagre se tornou realidade. Estou eternamente agradecido", completou.
    Até agora este homem, pai de três filhos, utilizava prótese e havia conseguido dirigir um carro, tocar guitarra e usar um computador. Contudo, tudo isso não era fácil. O paciente disse ao The Boston Channel que a perda de um membro pede que uma pessoa tenha de um quarto a um terço mais energia. "Portanto, se alguém perde quatro extremidades, é previsível que um dia normal seja como quatro dias para mim", explicou.
    O transplante envolveu uma delicada conexão de pele, tendões, músculos, ligamentos, ossos e tecido vascular. Até agora, foram realizados apenas 21 transplantes duplos em todo o mundo, desde que especialistas franceses realizaram a primeira intervenção do tipo na cidade de Lyon em 2000, segundo o registro internacional de transplante de mãos.
    "Os resultados até agora foram de um sucesso assombroso", disse Simon Talbot, chefe da equipe de cirurgia que operou Mangino, à emissora de televisão MSNBC. No entanto, Mangino necessitará de meses de terapia e levará quase meio ano para recuperar o sentido do tato, afirmou.

    Advogado: existia gás em restaurante e prefeitura estava ciente

     
    Ao deixar a 5ª Delegacia de Polícia Civil nesta sexta-feira, o advogado de defesa do dono do Filé Carioca, Bruno Castro, confirmou a existência de 65 cilindros de 45 kg de gás no estabelecimento antes da explosão e que, ao expedir um alvará para um restaurante, mesmo que temporário, a prefeitura estava ciente do manuseio da substância no local. "Restaurante que tinha alvará provisório está regular. A prefeitura jamais daria autorização, se o estabelecimento não pudesse funcionar", afirmou.
    Castro relatou que a manutenção do gás era feita por uma empresa terceirizada. Ele reconheceu que o restaurante possuía pendências junto à prefeitura, mas garantiu que elas sempre foram cumpridas. O Filé Carioca havia sido multado duas vezes, uma por causa de um toldo e outra em decorrência de um problema com uma salada servida.
    O advogado ainda citou a localização do estabelecimento para legitimar seu funcionamento. "O restaurante funcionava em uma área onde todo mundo conhecia, não era um estabelecimento clandestino ou escondido."
    O proprietário do restaurante Filé Carioca ainda não compareceu à polícia para prestar depoimento. Segundo o advogado, ele ainda estaria muito abalado com o acidente. O defensor garantiu que, assim que tiver condições, ele se apresentará.

    Prefeitura admite falta de documentos

    A Procuradoria Geral do Município (PGM) do Rio de Janeiro reconheceu que a documentação do restaurante Filé Carioca estava incompleta, mas disse que prefere esperar o desdobramento das investigações da explosão para adotar uma posição mais definida. "Na lista de documentos obrigatórios, faltavam os certificados de Inspeção Santiária, de Aceitação das Instalações Comerciais e de Aprovação do Corpo de Bombeiros. O proprietário foi notificado em setembro para apresentar até o fim de outubro todos os documentos que estavam faltando, caso contrário o alvará provisório não seria renovado", informou a PGM.
    "Quem tem poder e competência para fiscalizar as condições de segurança é o Corpo de Bombeiros. O que a prefeitura faz é, para emitir o alvará definitivo, além de fiscalizar a atividade econômica e o uso do solo, conferir se o estabelecimento tem uma série de outros documentos - como, por exemplo, Contrato Social, CNPJ, Documento de Arrecadação do ICMS, Certificado de Inspeção Sanitária, Certidão de Aceitação das Instalações Comerciais e Certificado de Aprovação do Corpo de Bombeiros", completou a PGM.
    A área externa do edifício Riqueza, onde ficava o restaurante, foi analisada na quinta-feira por peritos, que devem aguardar o início do escoramento da laje para começar ver minuciosamente a área interna. Durante a investigação, será apurado até que ponto os proprietários tinham conhecimento da falta de documentação para o restaurante funcionar e se houve negligência por parte de algum funcionário em deixar o gás vazando. O Terra procurou o advogado de Rogério Amaral, mas não obteve retorno.

    Ministro arquiva habeas de condenado por morte de João Hélio


    O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta sexta-feira pedido de habeas-corpus de um dos envolvidos no crime que levou à morte do menino João Hélio, em 2007, no Rio de Janeiro. Tiago de Abreu Mattos tentava diminuir a pena de latrocínio - roubo seguido de morte - para roubo simples. Seus advogados alegam que ele apenas levou os bandidos ao local do crime.
    João Hélio morreu depois de ser arrastado, preso ao cinto de segurança, durante vários quilômetros, por diversas ruas da zona norte do Rio de Janeiro, depois que os bandidos roubaram o carro que era dirigido por sua mãe. A 39ª Vara Criminal do Rio de Janeiro condenou Tiago de Abreu Mattos a 39 anos de prisão, inicialmente em regime fechado.
    O habeas-corpus já havia sido negado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), que entendeu que não cabia ao tribunal reanalisar fatos e provas que levaram à condenação. Para Celso de Mello, o habeas-corpus não é o formato correto de pedir a revisão de pena à Suprema Corte neste caso.

    O crime
    O menino João Hélio Fernandes, 6 anos, morreu ao ser arrastado por 7 km do lado de fora de um carro, no Rio de Janeiro, em 2007. Após o anúncio do assalto, a mãe e a irmã da criança desceram do carro, mas João Hélio ficou preso pelo cinto de segurança. Pessoas nas ruas tentaram avisar os ocupantes do veículo que o menino estava pendurado no carro, mas eles teriam ironizado dizendo que era um "boneco de Judas".
    O veículo foi abandonado no subúrbio do Rio, com o menino já morto. Carlos Eduardo Toledo de Lima, Diego Nascimento da Silva, Carlos Roberto da Silva e Tiago de Abreu Mattos foram condenados pelo crime e cumprem penas de até 45 anos de prisão.
    Ezequiel Toledo de Lima, que na época era menor de idade, cumpriu três anos de medidas socioeducativas e foi solto em 2010, quando recebeu proteção do governo. Devido à forte reação da opinião pública, o benefício foi revogado e a Justiça decidiu que ele deixaria a unidade de internação apenas para ir à escola. Um ano depois, ele recebeu o benefício da liberdade assistida e passou a ser acompanhado por assistentes sociais e psicólogos.

    Programa de Proteção a Vítimas e Testemunhas mudará em 2012

     
    O Programa de Proteção a Vítimas e Testemunhas Ameaçadas da Secretaria de Direitos Humanos (SDH) será aperfeiçoado. De acordo com o diretor de Defesa dos Direitos Humanos da SDH, Fernando Matos, as mudanças, que envolvem legislação específica, metodologia de atendimento e capacitação de equipes técnicas, devem começar em 2012.
    As alterações no programa foram discutidas durante o seminário do Fórum Nacional de Entidades Gestoras dos Programas de Proteção a Vítimas e Testemunhas Ameaçadas. O evento começou na quinta-feira e reuniu representantes de 16 Estados.
    "O seminário é muito importante para o aperfeiçoamento da política de proteção a vítimas e testemunhas ameaçadas em nosso País. O modelo brasileiro trabalha em parceria com os Estados e com a sociedade civil. Foi um seminário muito rico e que serviu para melhorar o atendimento a essas pessoas", disse Matos.
    Segundo ele, o principal desafio do programa é descobrir, dentro de uma política pública, várias formas de parcerias com a sociedade civil. "Trabalhamos com crimes de grande complexidade, desde a questão do crime organizado, tráfico de drogas, armas, corrupção, grupos de extermínio. Temos de estar sempre um passo a frente dos violadores."

    quinta-feira, 13 de outubro de 2011

    Uma em cada quatro mulheres não suporta a sogra, diz pesquisa


    A sogra é uma figura "temida" e já até virou tema de filme. Além disso, ela é constantemente uma desculpa para se fazer piada. Só que uma pesquisa recente do inglês especializado no assunto maternidade, o Netmums, mostra que, de fato, as mulheres, no geral, não se dão tão bem com as sogras. Um quarto delas, inclusive, as descrevem como "controladora, intrometida e megera".
    Cerca de duas mil mulheres responderam à pesquisa do site britânico e acusaram suas sogras de sempre criticarem suas habilidades de mãe, inclusive na frente do parceiro e dos filhos. Quase um terço das pesquisadas disse que as sogras as faziam se sentir como "não merecedoras" do parceiro. Algumas dessas situações levaram ao rompimento do casamento.
    Siobhan Freegard, co-fundador do Netmums, responsável pelo estudo, disse que as mães se sentem subestimadas pelas sogras que interferem em seus relacionamentos. Ele mostra também o outro lado da moeda:
    — Quando o relacionamento é bom, as sogras podem ser um grande apoio, e mais do que nunca hoje ajudam a cuidar das crianças — disse.
    A pesquisa também descobriu o perfil da sogra perfeita: jovem de espírito, independente, generosa e divertida, e que sabe a hora certa de oferecer a ajuda necessária e não se intrometer no resto do tempo.

    Confira outros dados da pesquisa

    - 24% descreveram seu relacionamento com a sogra como "ruim" ou "terrível"
    - cerca de 16% a chamam de "megera"
    - 25% acham as sogras "controladoras
    - 35% acham que elas julgam demais
    - 32% acham que as sogras interferem demais na vida da família
    - 24% acreditam que as sogras são mais estressantes do que mudar de casa
    - 14% falaram que as sogras são piores do que enjoo matinal
    - uma em cada 10 mulheres se mudaram para ficar mais longe da sogra
    - 5% as acusou de serem o motivo da separação do casal

    Mulheres com seios grandes são mais abordadas por homens, comprova pesquisa


    Será que os homens realmente se interessam mais por mulheres com peitos acima da média, como se acredita atualmente? Dispostos a provar se o fato é mito ou realidade, pesquisadores franceses criaram um método para estudar tal "fenômeno".
    O coordenador dos testes criados pela University of Bretagne-Sud selecionou uma mulher de 20 anos com 55kg e 1m68cm e seios considerados "pequeno". Com a ajuda de um sutiã adaptado, seu peito poderia ser "aumentado" para tamanhos médio e grande.
    A garota-cobaia frequentou uma casa noturna e um bar em diferentes ocasiões, mas com a mesma roupa e diferentes tamanhos de peito. Ela foi instruída a não flertar com nenhum homem durante a pesquisa.
    Para verificar se o tamanho dos seios peitos influenciava na percepão masculina, o pesquisador registrou o número de vezes que um homem iniciava um contato verbal com a moça. Confira os resultados:
    :: A garota em versão sem enchimento (busto natural) foi abordada 13 vezes na casa noturna e 5 vezes no bar.
    :: Já com o enchimento médio, o número de abordagens na casa noturna subiu para 19 e no bar para 9.
    :: Porém, quando a modelo usou o sutiã com o maior enchimento, ela foi abordada por 44 homens diferentes na boate e 16 vezes no bar.
    E aí, concorda com a pesquisa?

    Mulheres tendem a ser mais aventureiras na cama que os homens, diz pesquisa


    Falar "sacanagem" e ser mais aberto sexualmente parece ser mais natural para as mulheres que para os homens, mostra uma nova pesquisa. Em um estudo realizado por uma marca de preservativos e publicado pelo jornal britânico Daily Mail, mulheres revelaram que, não só gostam mais de experimentar na cama, como também são mais propensas a falar coisas excitantes e dividir suas fantasias com o parceiro que os homens.
    O grupo de pessoas pesquisadas era formado em sua totalidade por pessoas em relacionamentos estáveis. A maioria das mulheres, disse preferir transar com as luzes ligadas e em locais diferentes da casa, enquanto os homens se mostraram mais conservadores e menos dispostos a ousar.
    A pesquisa mostrou ainda que, ser mais ousado na cama está ligado com a satisfação sexual do casal. Os casais mais "aventureiros" se mostraram mais abertos e com relacionamentos mais duradouros.
    Além disso, a intimidade pode ajudar a "prevenir a traição". Enquanto 50% dos casais participantes do estudo disseram assistir pornografia juntos, outros 25% das pessoas afirmaram que o tédio na relação os levou a trair seus parceiros.

    Rio: vítima reclamou de cheiro de gás minutos antes de explosão


    Uma das vítimas que se feriu gravemente com a explosão no edifício Riqueza, Centro do Rio de Janeiro, telefonou para o namorado minutos antes e reclamou do forte cheiro de gás no prédio. Danielle Cristina Pereira está no centro cirúrgico do Hospital Souza Aguiar com trauma no tórax e fratura nos membros inferiores.
    Edvaldo Santos da Silva, 30 anos, disse que Danielle telefonou para ele aproximadamente dois minutos antes da explosão, que ocorreu por volta das 7h, no restaurante Filé Carioca. A parte térrea do prédio ficou completamente destruída.
    Três pessoas morreram e 17 ficaram feridas, três delas em estado gravíssimo. Danielle e um homem identificado como Roberto, 30 anos, estão no centro cirúrgico do Souza Aguiar, ele com traumatismo craniano, de tórax e lesão ocular. Egídio Miguel Couto foi levado ao Hospital Miguel Couto com traumatismo craniano.

    Dada como morta por agressor, mulher é jogada em terreno baldio


    Jéferson Donizeti Leite da Silva, 28 anos, está foragido da polícia depois de tentar matar a ex-companheira Tânia da Silva Gegamo, 26 anos, a socos e pontapés, em Bauru (SP). Segundo a polícia, ele agrediu a mulher porque não aceitava o fim do relacionamento. Além de espancar Tânia, ele tentou o estrangulamento e achou que ela tinha morrido.
    Ao perceber que a mulher havia perdido o sentido, Silva resolveu jogá-la em um terreno baldio. Algumas horas mais tarde, Tânia acordou e pediu socorro, sendo atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Pronto Socorro Central (PSC), onde ficou internada para observação. A polícia procura o suspeito.

    Catador de sucata encontra criança coberta de formigas em SP

     
    Um catador de material reciclável encontrou uma recém-nascida abandonada em um matagal na quarta-feira em Araras, a 153 km de São Paulo. Ele chamou a Policia Militar, que levou o bebê para Santa Casa. Segundo ele contou à polícia, a menina estava enrolada em um pedaço de tecido, vestida com roupas cor-de-rosa e coberta por formigas.
    Segundo a Polícia Militar, o catador disse que procurava sucata nas proximidades do 4º Distrito Industrial da cidade, quando escutou o choro do bebê vindo do mato. Ao se aproximar de um monte de terra se assustou em ver a criança no chão se debatendo.
    No final da tarde a polícia localizou a mãe, uma jovem de 18 anos que foi ouvida em depoimento no plantão policial. "Ela falou que está muito arrependida", contou a conselheira tutelar Rosangela Zanotti. A jovem disse à polícia que deixou a família há 10 meses em uma cidade na Bahia e veio morar com uma irmã em Araras.
    "Ela contou ao delegado que foi estuprada e teve medo de revelar para os pais que estava grávida." Segundo a conselheira tutelar, a mãe deu à luz a criança em um hospital público da cidade na segunda-feira e, após a alta hospitalar, pode ter sofrido uma depressão pós-parto.
    O caso vai ser encaminhado ao Ministério Público e acompanhado pelo Conselho Tutelar. A criança está bem de saúde e poderá ser entregue à tia. A mãe não foi detida e será recomendado o seu acompanhamento psicológico. Ela pode ser processada por abandono de incapaz e, se condenada, pode pegar até 3 anos de prisão.

    quarta-feira, 12 de outubro de 2011

    Vereador é cassado por assediar mulher casada usando celular da Câmara em São Paulo


    O vereador Luiz Antonio Favaro (PSDB), o Esquerda, teve o mandato cassado pela Justiça porque fez 79 ligações com celular da Câmara de Guararapes (545 km de São Paulo) para, supostamente, assediar uma mulher casada. A decisão é do juiz Heverton Rodrigues, da 1ª Vara Cível de Guararapes e foi publicada nesta terça-feira (11) no Diário da Justiça. As ligações somam 173 minutos de duração.
    Além da perda do mandato, a sentença suspende os direitos políticos do parlamentar por oito anos, o proíbe de fechar contratos ou convênios com o poder público e o obriga a devolver à Câmara, “devidamente corrigidos até a data do efetivo pagamento”, R$ 34,54 referentes aos gastos com os telefonemas.
    Os advogados do vereador informaram que a decisão é exagerada e que vão recorrer ao Tribunal de Justiça de São Paulo.
    Segundo os autos, a dona de casa Juliana Carvalho de Souza acusa o vereador de lhe dirigir “impropérios e ofensa moral, mediante propostas para manter em relações sexuais, usando termos chulos”.
     As supostas propostas sexuais teriam sido feitas em ligações telefônicas para o celular e o telefone residencial da dona de casa. Juliana conheceu o vereador no salão de beleza que ele e a mulher dele possuem.
    O advogado de Favaro, Milton Pardo Filho, 41, confirma que seu cliente fez ligações para Juliana, mas jamais com o intuito de ofendê-la ou assediá-la sexualmente. Segundo Pardo Filho, o vereador conseguiu duas vezes ambulância para Juliana ir fazer um tratamento ocular em Campinas (93 km de São Paulo). E também facilitou a internação do pai dela em hospitais de Guararapes e de Araçatuba (527 km de São Paulo).
     “Os telefonemas foram para tratar desses assuntos e nada mais”, diz o advogado. As ligações telefônicas estão comprovadas mediante quebra do sigilo telefônico autorizada pela Justiça.
    Para o advogado, a Justiça foi muito rigorosa com seu cliente. “Foi uma decisão injusta, que poderia ter sido dosada. Não se trata de um ministro que usou jatinho em troca de favores políticos.”
    A Câmara de Guararapes abriu, no primeiro semestre, uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para analisar a conduta de Favaro. Os colegas vereadores foram unânimes na absolvição de Favaro, que integra a base governista.

    CE: polícia prende homem suspeito de estuprar e matar a irmã

     
    A polícia do Ceará prendeu na madrugada desta quarta-feira um homem suspeito de estuprar e matar a própria irmã, de 9 anos. Francisco Antônio Cosmo, 26 anos, mais conhecido como "Neguinho da Bastiana" foi detido no município de Itatira, no sertão central, a 216 km de Fortaleza.
    De acordo com o Comando de Policiamento do Interior, Cosmo já responde por crime de furto e tráfico de drogas e foi encontrado armado com três espingardas por volta das 3h. Ele foi encaminhado à delegacia de Canindé, também no sertão, onde deve prestar depoimento.
    O corpo da menina, Daniele Cosmo de Melo, foi encontrado por vizinhos no dia 17 de setembro na beira de um riacho, nas proximidades do município de Forquilha, na região norte do Ceará. Segundo a polícia, a criança tinha perfurações de faca em vários partes do corpo e a perícia também confirmou violência sexual.
    De acordo com a família, Cosmo teria saído com a menina seis dias antes e desde então nem ele, nem a irmã teriam sido vistos.

    Cristo Redentor completa 80 anos em meio a nuvens no Rio


    O forte nevoeiro da manhã desta quarta-feira no Rio de Janeiro encobriu o santuário do Cristo Redentor, que completa hoje 80 anos. Para a festa, a Arquidiocese do Rio preparou uma benção aos visitantes e uma missa solene rezada pelo arcebispo Dom Orani Tempesta. Após a missa, haverá distribuição de um bolo de 8 m de cumprimento.

    Conheça a história do projeto e curiosidades sobre o Cristo Redentor
     

    A homenagem da esquadrilha da fumaça também foi atrapalhada pelas nuvens. Cerca de 60 jovens católicos passaram a noite no topo do Corcovado em vigília ao Cristo. Também foram inaugurados os bustos de Heitor da Silva Costa, engenheiro responsável pelo projeto do Cristo, e de Dom Sebastião Leme, arcebispo do Rio na época da inauguração da estátua.
    A festa do aniversário do Cristo segue no Aterro do Flamengo, onde haverá show com diversos artistas. O Centro de Operações do Rio informou que será implantado esquema especial de tráfego no bairro. A operação contará com a participação de 180 guardas municipais e agentes da Companhia de Engenharia de Tráfico (CET-Rio), com 26 viaturas e 30 motocicletas, que trabalharão para manter a fluidez, coibir o estacionamento irregular, ordenar os cruzamentos, orientar pedestres e efetuar aos bloqueios.
    A área de lazer que funciona no aterro desde as 7h terá seu horário estendido até o final do evento e a limpeza das pistas. As pistas da avenida Beira Mar, em ambos os sentidos, entre o Trevo dos Estudantes e o Largo da Glória, poderão ser interditadas se houver a ocupação das pistas pelo público do evento. Nesse caso, o acesso ao aeroporto Santos Dumont se dará pelo seguinte itinerário: Praça Paris, avenida Augusto Severo, rua Teixeira de Freitas (pista central), rua Evaristo da Veiga, rua Araújo Porto Alegre, avenida Graça Aranha, avenida Calógeras, avenida Beira Mar, Trevo dos Estudantes.
    Para acessar a área do show, a CET-Rio recomenda a utilização de transporte público coletivo regulamentado, bicicleta ou o deslocamento a pé. Para os que preferirem o Metrô, deverão desembarcar nas estações Cinelândia ou Glória. Mais de 80 linhas passam pela área do evento, vindo de várias as regiões da cidade. A Secretaria de Ordem Pública atuará com reboques baseados em pontos estratégicos e circulando na área de abrangência do evento. Os veículos estacionados irregularmente serão removidos para os depósitos públicos municipais.